Serra da Estrela, a dreamy weekend of sun & snow in Portugal – travel journal #11

It was the middle of the winter season and we needed a getaway to relax for a weekend. We wanted to stay in Portugal so Serra da Estrela seemed like the perfect place for our short trip. We wanted to do it calmly to enjoy every little thing.

I once heard that there is a stronger feeling of joy and release if we spend our free time doing something physical instead of just laying on our sofa for hours. It is good to clean, free our mind and get rid of negative thoughts. Of course it wouldn’t be as relaxing if we would be only exercising. It is more about creating a connection between body and mind. And what better to help us to connect than nature itself? That’s why we chose Serra da Estrela, the highest mountain range in continental Portugal.

Although our intention was to travel somewhere to spend some time together visiting and going around, we also needed to relax and calm down so we looked for a cozy place to be warm and comfortable. We stayed at Casas da Ribeira, a rural complex of small villas and located next to Seia, around 20km from Serra da Estrela.

We stayed in a beautiful small stoned cottage house in the middle of the complex of stoned houses. It seemed like a dreamy tiny village, with its cobbled narrow streets. It was a perfect place to stay in peace and the owner was a lovely lady super helpful with everything.

All the stoned houses have fireplaces and you can easily get wood from the backyard next to the reception house. We had a small basket in our “home” to refill every time we needed.

That’s how we spent our two evenings – in front of the fireplace after a comfy dinner enjoying the moments while tasting a good wine and hours of conversation.

One of the mornings brought us an amazing sunny day and we woke up with the sound of the birds on the trees singing. And then that moment so simple and yet so magical: opening the window and feeling the sunshine warming the room and our souls. Is there anything more perfect than this to start a day at the countryside?

After a pleasant traditional breakfast we left by car towards the top of the mountain, more precisely to the Tower, which is the highest point of Serra da Estrela. We didn’t go there to ski or anything related.

We only had in mind to visit the area stopping occasionally to feel everything and take some pictures. We were there to appreciate all that nature and to have some walks and get inspired by being at the highest place in our mainland.

And there, surrounded by snow and under the sun, was something beautiful and powerful to keep in our hearts. We couldn’t be happier after our perfect weekend.IMG_5464



Estávamos mesmo no meio do Inverno e precisávamos de um refúgio para relaxar durante um fim de semana. Queríamos ir para Portugal, então a Serra da Estrela parecia o lugar perfeito para a nossa curta viagem. Embora por poucos dias, queríamos fazer tudo com calma para aproveitar os mais pequenos detalhes.

Uma vez ouvi que há um maior sentimento de liberdade e recompensa se nós gastarmos nosso tempo livre a fazer algo físico em vez de ficar só no sofá durante um fim de semana inteiro. É importante fazer uma limpeza interior e libertar a nossa mente estando ocupados em algo que nos dá prazer, para nos livrar-mos de pensamentos negativos. Claro que nada seria tão relaxante se passássemos o tempo todo de um lado para o outro, também precisávamos de descanso. Algo sobre criar uma conexão entre corpo e a mente. E o que podia ser melhor para nos ajudar a conectar-nos do que a natureza? A Serra da Estrela pareceu-nos o lugar perfeito. Nada mais nada menos que a cadeia montanhosa mais alta de Portugal continental.

Embora a nossa intenção fosse explorar a zona, queríamos também um lugar aconchegante e bonito. Escolhemos ficar numa casa nas Casas da Ribeira, um complexo de pequenas casas de pedra perto de Seia, a cerca de 20 km da Serra da Estrela. Ficámos então numa pequena casa de pedra muito bonita. E revelou-se o lugar perfeito para ficar, em paz. A senhora que nos recebeu foi muito querida e prestável.

Todas as casas têm lareira e é fácil encontrar lenha no quintal ao lado da recepção. São fornecidos cestos nas casas para reabastecer de lenha sempre que preciso.

E foi assim que passámos as nossas duas noites, depois de longos passeios – em frente à lareira depois de jantares deliciosos quentinhos a usufruir de cada minuto a dois, enquanto bebemos um bom vinho e muitas horas de conversa.

A primeira manhã trouxe-nos logo um lindo dia de sol e acordámos com o som dos passarinhos a cantar que nem doidos em cima das árvores, todos contentes com aquele sol maravilhoso. Um momento tão simples e ao mesmo tempo tão mágico: abrir a janela e sentir a luz do sol a aquecer as nossas almas. Há algo mais perfeito do que isso para começar um dia rodeados pela natureza?

Depois de um maravilhoso pequeno-almoço com produtos típicos da região, saímos de carro em direção ao topo da montanha, mais precisamente à Torre, que é o ponto mais alto da Serra da Estrela. Nós não fomos para fazer ski nem nada relacionado. Só tínhamos em mente visitar a zona calmamente e parando as vezes que fossem precisas para sentir tudo e tirar algumas fotografias. A ideia era apreciar toda a natureza e passear muito, ganhar inspiração por estar no lugar mais alto e um dos mais bonitos do nosso país. E ali, cercados pela neve e debaixo do sol, não havia como não sentir algo forte e bonito para guardar nos nossos corações. Não podíamos estar mais felizes depois de um fim-se-semana tão perfeito.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s